Trabalhador de empresa de Alpiarça é caso isolado de infeção por COVID-19

Foi na semana passada que um trabalhador da empresa Monliz foi testado positivo a COVID-19.

Contactado pela nossa redação, o diretor geral da empresa referiu que já foram identificados e testados todos os contactos próximos deste colaborador e que todos deram negativo ao teste do COVID-19.

Salientou ainda a empresa que tem atuado através dos serviços de medicina no trabalho e em estreita colaboração com as autoridades de saúde, na defesa da saúde dos seus colaboradores e da população em geral. Mantêm ativados os protocolos e procedimentos de segurança que, refere, se estão a revelar adequados e efetivos, e continuam atentos para proteger a organização, todos os nossos parceiros e a comunidade. 

Desde final de fevereiro que a Monliz tem ativo um plano de contingência que permite isolar situações como estas e que pretende minimizar os seus impactos na organização, reduzindo a hipótese de propagação do vírus dentro das instalações. Esse plano tem vindo a ser revisto periodicamente em função da evolução da pandemia, datando a última revisão do passado dia 6 de maio, coincidindo com a nova fase de desconfinamento. O plano continuará a ser revisto e atualizado em função da evolução da pandemia e das recomendações das autoridades de saúde.

 A Monliz opera num setor vital para a população, tendo a atual situação de pandemia demonstrado a importância dos canais de abastecimento alimentar onde, como referiu “os legumes ultracongelados são uma excelente alternativa, permitindo uma alimentação saudável, um menor desperdício alimentar e uma redução da frequência de compra contribuindo para a  saúde e bem estar dos nossos clientes durante este período.” Aproveitou para felicitar o trabalho e o empenho “aos seus colaboradores, os agricultores e toda a cadeia de distribuição bem como “agradecer a todos o contributo para a manutenção da cadeia alimentar durante esta crise.”