Terminou o período de vigência do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais

Terminou na passada quinta-feira, dia 15, a atividade do DECIR que entrou em vigor a 15 maio.

Dividido por níveis, o DECIR – Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais, é constituído por um conjunto de operacionais e de meios de várias Forças e Unidades, desenhado pela ANEPC (Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil)  de forma a dar “uma resposta operacional adequada e articulada, em conformidade com o grau de gravidade e a probabilidade de ocorrência de incêndios rurais durante os períodos de perigo considerados” – in (DON nº2).

A assinalar o fim da vigência DECIR, o presidente do Município, Mário Pereira, deslocou-se ao Quartel dos Bombeiros de Alpiarça para agradecer “o trabalho, espírito de sacrifício, entrega e disponibilidade que deram mais uma vez em prol da defesa dos cidadãos de Portugal e dos seus bens, deixando as suas próprias vidas para segundo plano.”

Segundo o Comando dos Bombeiros Municipais de Alpiarça este foi, dos últimos anos, o ano com menos ignições no concelho de Alpiarça.

As equipas DECIR estiveram no teatro das operações de todos os incêndios que ocorreram no distrito de Santarém e também foram destacados para combater fogos noutras zonas do país.