COVID-19: Alpiarça em risco moderado mas com regras a cumprir

A partir das 00h00 desta terça-feira, dia 24, o país vai ter quatro andamentos de acordo com a sua “perigosidade” COVID-19 e medidas de restrições diferentes e em conformidade com o seu nível de risco.

O Primeiro-Ministro António Costa, comunicou ao país no sábado, dia 21 de novembro, um conjunto de novas medidas que serão implementadas a partir de amanhã e durante duas semanas, para fazer face à situação pandémica do país.

Das 00h00 de dia 24 até às 23h59 de dia 8 de dezembro, o país tem de cumprir um conjunto de medidas aplicadas a todo o território nacional e cada concelho terá de acrescentar mais outras tantas restrições , de acordo com o nível de risco que lhe foi atribuído.

As medidas aplicadas a todo o território nacional são as seguintes:

  • A proibição de circulação entre concelhos entre as 23h00 de 27 de novembro e as 5h00 de 2 de dezembro e entre as 23h00 de 4 de dezembro e as 5h00 de 9 de dezembro (atenção que já não vai poder circular entre concelhos para assistir a eventos culturais, mesmo que tenha bilhete); 
  • Tolerância de Ponto e suspensão da atividade letiva nos dias 30 de novembro e 7 de dezembro; 
  • Apelo à dispensa de trabalhadores do setor privado nos dias 30 de novembro e 7 de dezembro; 
  • Uso obrigatório de máscara nos locais de trabalho. 

O governo dividiu o país em quatro níveis de risco, tendo em conta o número de infetados por 100 mil habitantes. De acordo com o grupo em que estão inseridos, os concelhos vêem aumentadas as medidas a aplicar. São estas as “divisórias” do país:

  • Concelhos de risco moderado (menos de 240 casos por 100 mil habitantes) – 65 regiões; 
  • Concelhos de risco elevado (mais de 240 casos por 100 mil habitantes) – 86 regiões; 
  • Concelhos de risco muito elevado (480 casos por 100 mil habitantes) – 80 regiões; 
  • Concelhos de  risco extremamente elevado (960 casos por 100 mil habitantes – 47 regiões.

Alpiarça registava até este domingo 3 casos ativos, 30 recuperados e 4 óbitos, dados estes que incluem o concelho de Alpiarça no grupo dos concelhos de risco moderado, pelo que não terá medidas agravadas, contudo, deverá cumprir as medidas aprovadas para todo o território nacional e as que já se encontram em vigor desde o dia 9 de novembro (relativamente ao número de pessoas permitidas nos ajuntamentos, horários de encerramento do comércio e dos espectáculos, etc.).