Comemorações do Dia do Concelho celebradas com cultura, caminhada, recolha de sangue e entrega de medalhas

No dia 2 abril, Alpiarça comemora a sua passagem a concelho, um processo de reorganização administrativa conseguido através do Decreto nº 119 de 1914 e com alguma ajuda de José Relvas.
Este ano, e porque a 2 de Abril também se comemora o Dia Internacional do Livro, a cultura está em destaque e tem como palco a Biblioteca Municipal onde decorrerão vários eventos ao logo da tarde.
Exactamente às 00h01 de terça -feira haverá uma Salva De Morteiros. Atenção que, se estiver ativo o alerta de Risco de Incêndio emitido pela Proteção Civil, não será realizada a salva.
Das 09h30 às 19h30 haverá uma Recolha de Sangue com Unidade Móvel do IPS organizada pelo Grupo de Dadores Benévolos de Sangue do Concelho de Alpiarça e que terá lugar no Largo do C.D. “Os Águias”.
Às 10h00 haverá uma Caminhada com alma“ e uma festa da matança do porco no Parque do Carril.
Pelas 14h00 e inserido no programa de comemorações
do Dia Internacional do Livro Infantil, a Biblioteca Municipal
apresenta um programa para os mais novos (onde os mais velhos também têm lugar): uma Feira do Livro Infantil, uma sessão de contos com a “Livraria Aqui há gato” e animação de rua com Meganimação (Insufláveis, Espaço bebé e À descoberta das bolas de sabão).
Pelas 15h00, realiza-se no átrio da Biblioteca Municipal a abertura da exposição “A maior flor do Mundo” – uma exposição da história de José Saramago, ilustrada por André Letria. Esta cerimónia conta com a presença do Diretor da Fundação José Saramago, Sérgio Machado Letria

Às 16 horas, o Anfiteatro Exterior da Biblioteca Municipal apresenta um Espetáculo Musical com Ahkorda, a música popular portuguesa a marcar presença nas comemorações do município.

Pelas 17h30, o Auditório Mário Feliciano – Biblioteca Municipal é o anfitrião este ano da Cerimónia de Entrega de Medalhas pelo Reconhecimento da Câmara Municipal pelo tempo de serviço prestado, Medalhas de Mérito Desportivo e Medalhas de Valor e Mérito. Esta cerimónia será acompanhada com momentos de poesia de José Saramago musicada por Miguel Galhofo e Luís do Vale.